21/04/2009

Se...

Se eu pudesse mudar o mundo
Se eu soubesse o que devo ser
Se eu escutasse a voz do mudo
Saberia o que fazer

Se amanhã fosse o final
Enfim a mansuetude
Se, pra viver, um manual
Saudade de minha juventude

Se a paz é a máscara dos beligerantes
Se a vida esvai-se deveras
Se o estrênuo justiceiro é instigante
Eu destruo e tu cooperas

Por fim a estática nos rodeia
Pensar não é compreender:
“Se, se, se”, o nobre falseia
O fim SE o homem aquiescer.

7 comentários:

  1. Indubitavelmente, esse é o teu melhor texto.
    Sem mais delongas, parabéns. Só. Pois é só o que tu mereces ouvir/ler.

    ;)

    ResponderExcluir
  2. Eita que a menina se empolgou e não é que se deu bem? Tá indo loonge Brendinha, bem como eu disse! Parabéns, e não tenho nem como te dizer para ir mais longe, porque praticamente já estás no limite!

    ResponderExcluir
  3. Lindo primaaa! ^^
    As palavras "resbuscadas" deram um toque legal!
    Bjãoo!

    ResponderExcluir
  4. MUito Bom Coleguiinhá!
    Tais iindo longe com seus
    Maravilhosos texto!
    esse poema está(MARA)

    =p

    ResponderExcluir
  5. Olha, só num esuqece de mim quando tu estiver famosa com esses teus textos viu brendinha, lembra das amigas ushauhsuah tá show kerida, Parabéns!!!

    ResponderExcluir
  6. Thais Vilacorta!!24 de abril de 2009 17:58

    ameii Brenda* me emocioneiii c/essas palavras..lindo viu*vás long assim...dizndo como a Raicy:"não esquece de mim quando estiveres famosa viu"hehe....bjim*

    ResponderExcluir
  7. Pouxa...toh aki sem palavras. comentei com vc q foi um dos melhores textos q eu jah li seu né? Migah, vc tem um dom maravlihoso de através das palavras mostrar ao mundo o q vc sente e provocar nas pessoas reflexões.Certamente esse dom a levará a bons lugares. Eu torço por vc Brendinha pelo seu sucesso. a poesia está impecável!!!!

    Bjus de sua miguinhaa Linda...hahahha
    Pri

    ResponderExcluir